Treinamento, Conscientização e Aculturamento

Treinamento, Conscientização e Aculturamento, quais as diferenças entre cada?

Vamos ver o que o dicionário diz sobre essas palavras individualmente.

Treinar:

Ensinar ou aprender determinada ação ou práticaPreparar-se para uma prova, uma competição ou uma atividade.

Conscientizar:

Tornar ou ficar consciente.

Aculturar:

Causar ou submeter-se a processo de mudança cultural, geralmente em resultado do contato permanente com outra cultura.

Agora que já sabemos o que significa elas em nosso dia-a-dia.

A atividade de treinar um colaborador em determinado assunto, tem como principal objetivo dar conhecimento, habilidades e competências sobre esse assunto, tornando-os aptos à melhorarem suas qualidades e competências, com o objetivo de aumentar sua motivação pessoal. Os treinamentos proporcionam uma melhoria na produção das tarefas diárias, e por consequência contribui para os resultados da empresa por aumentar suas responsabilidades.

Por outro lado, a conscientização é ato de se tornar consciente, esclarecido sobre algo, em outras palavras, conscientizar uma pessoa significa fazer com que ela tome consciência e reflita sobre um determinado assunto, além de mostrar a verdade através do diálogo.

No âmbito de aculturação é o resultado do contato entre duas culturas, esse processo resulta em uma mescla de ambas e por fim um processo de vivencia.

Na área de segurança da informação não é diferente, temos pessoas que devemos treinar para conhecer sobre o tema.

Conscientizar sobre os riscos que a organização e todos nós como individuo estamos expostos.

E na etapa final quando o convívio com a nova cultura estiver imerso no dia-a-dia atingiremos o aculturamento da organização.

Como exemplo temos áreas como segurança da informação, gerenciamento de projetos, governança de TI, entre outros.

Imagina uma empresa que não possui uma cultura de gestão de projetos.

Nesse processo teremos obstáculos como pessoas e a própria cultura pré-existente da organização.

Para isso apoio da Alta Gestão é fundamental e imprescindível.

Nos próximos posts abordaremos algumas técnicas e processo para treinamento, conscientização e aculturamento, até lá.

Ricardo Lino

Profissional de Tecnologia da Informação há 17 anos, tendo os últimos 7 anos na área de Segurança da Informação, Risco&Fraude e Compliance, projetando e definindo as melhores soluções, alinhando as melhores práticas de mercado as metas de negócio, provendo transformações internamente e externamente mantendo uma Governança de segurança da informação, gestão de risco para elevar a maturidade das empresas, são o que eu faço melhor.

Um comentário em “Treinamento, Conscientização e Aculturamento

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *